Chico de Pombal

Chico de Pombal

Cantor/compositor: CHICO DE POMBAL Estilo Musical: MUSICA POPULAR DO NORDESTE. INFLUÊNCIAS: Como cantor/compositor tenho influencias dos grandes ídolos da musica brasileira, mas, a maior influencia artística chama-se "LUIZ GONZAGA". Depois tem o TRIO NORDESTINO, PINTO DO ACORDEON, MARINEZ E SUA GENTE, ELINO JULIÃO, MESSIAS HOLANDA, OS 3 DO NORDESTE, ANTONIO BARROS, DOMINGUINHOS, JACKSON DO PANDEIRO, e, mais recentemente, MACIEL MELO, PETRUCIO AMORIM, JORGE DE ALTINHO, SANTANNA “O CANTADOR”, FLAVIO JOSÉ, XICO BIZERRA, BILIU DE CAMPINA, BEBÉ DE NATERCIO, e outros. Vivi alguns anos passeando por outros estilos, porém, a MUSICA POPULAR NORDESTINA(o forró e outras vertentes) é mais forte, fala mais alto na minha vida. Por isso, voltei a fazê-la, pois, foi com ela que comecei a cantar e é o gênero mais representativo da cultura musical nordestina, o estilo consagrado pelo "mestre" LUIZ GONZAGA, o "Rei" do Baião, e outros mestres, e dos meus dois últimos Cd`s. Por ser nordestino, o forró está enraizado no coração, no espírito, no sangue e na nossa alma. Participei de vários festivais de música e os mais importantes foram: I FUMAP-FESTIVAL UNIVERSITARIO DE MUSICA POPULAR, em João Pessoa/1980; FESTIVAL NACIONAL DO FORRÓ-(FORRÓ-FEST), nas edições de 1988, 1991, 2001, 2004 e 2009, realizado pela Rede Paraíba de TV(TV Cabo Branco e TV Paraíba), afiliadas da Rede Globo. Como compositor/autor tenho mais de 200 musicas, a maioria feita em parceria com meu irmão, o cantor/compositor Adilson Ribeiro, um dos precursores do Pop Calypso ou Brega Pop, na região norte, sendo que dessas 200 musicas, 90 foram gravadas por diversos cantores/cantoras e bandas do norte/nordeste, como o Adilson Ribeiro; Silvio Max; Elias D`Ângelo; Roberto Ozório; Banda Bicho do Mato; etc..., e por mim. Em 1995 fui ao Pará, onde mora o meu irmão, e fiquei até 1998. Lá, tive a oportunidade de fazer minha primeira gravação, numa participação especial na coletânea "OS AMIGOS DO BREGA", lançada pelo selo A R MUSIC, com uma faixa de título "Bela Dona", utilizando o pseudônimo de ADRIANO RIBEIRO. Quando da gravação do meu 1º Cd houve a mudança de pseudônimo para FRANK MORENO, nome usado até o 3º Cd. A partir desse 4º-“A FESTA DO FORRÓ”-(que eu considero realmente como o 1º Cd) voltei a usar o nome com o qual sou mais conhecido por aqui, que é: CHICO DE POMBAL. É um nome mais apropriado para quem faz o verdadeiro forró, gênero com o qual comecei a minha vida musical, aos 10 anos de idade, no Sítio Forquilha/